• Da Redação

Satenpe repudia suspensão do piso da enfermagem e programa atos públicos em Pernambuco

As atividades serão realizadas nesta sexta (09) em cinco municípios: Recife, Caruaru, Garanhuns, Petrolina e Arcoverde

Foto: Divulgação


Após o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, ter suspendido a lei que criou o piso da enfermagem, no último domingo (04/09), o Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem de Pernambuco (Satenpe) condena a medida e reforça que significa a "permanência da escravidão aos trabalhadores". Em repúdio a esta decisão, entidades sindicais de Pernambuco irão aderir à mobilização nacional na próxima sexta-feira (09). Serão realizadas atividades em cinco municípios, distribuídos na Região Metropolitana e no interior: Recife, Caruaru, Arcoverde, Petrolina e Garanhuns.


Na capital, a concentração será na Praça do Derby. Em seguida, haverá uma caminhada pela Avenida Agamenon Magalhães, percorrendo pelo polo médico do bairro dos Coelhos. Em todas as localidades, os horários são a partir das 8h.


De acordo com o presidente do Satenpe, Francis Herbert, a categoria vai se manter mobilizada em todo o país, em especial, no Estado, para pressionar que essa decisão seja revista com celeridade e retirar a suspensão de 60 dias, emitida pelo ministro. "Mais uma vez, o STF se posiciona em favor daqueles que, durante a pandemia, lucraram às custas da exploração dos trabalhadores da enfermagem. Estaremos nas ruas para que esses hospitais escutem o grito da enfermagem e dizer não ao ato monocrático do ministro", afirmou.


Confira os locais:


Recife

Concentração: Praça do Derby, às 8h


Caruaru

Concentração: Pátio do Forró, às 8h


Garanhuns

Concentração: Parque Euclides Dourado, às 8h


Petrolina

Concentração: Praça do Bambuzinho, Av. Souza Filho, 660, às 8h


#maisjaboatao #jaboataodosguararapes #jaboatãodosguararapes #enfermagem #recife #pl2564 # caruaru #arcoverde #petrolina #garanhuns #pernambuco