top of page

Prefeitura do Jaboatão realiza microchipagem em cães e gatos

Os tutores que desejam realizar a microchipagem podem fazer o cadastro através deste link

Do Diario de Pernambuco

Foto: PMJG/Assessoria de Imprensa


Tutores de cães e gatos que moram no município de Jaboatão dos Guararapes poderão investir na saúde dos pets através da inserção de um microchip. A prefeitura da cidade está inserindo os chips nos pets já cadastrados ao longo desta semana.


A expectativa é que pelo menos 60 animais recebam o eqipamento por dia. Uma equipe composta por veterinários e assistentes está visitando os pets para realização do serviço e para fazer avaliação clínica, vacinação e triagem para castração.


O objetivo da Prefeitura com essa estratégia é promover uma gestão mais eficiente e abrangente da saúde animal. A princípio foi feita uma pesquisa junto aos protetores cadastrados, resultando em 48 respostas. Os tutores que desejam realizar a microchipagem podem fazer o cadastro através deste link.


O microchip pet possui o tamanho de um grão de arroz e é utilizado para guardar as informalções do animal como o nome, idade, raça, sexo e cor, além de armazenar os dados do tutor, incluindo endereço e contato. O chip funciona como um RG do animal.

Ao contrário do que muitos pensam, o chip não funciona como um rastreador. Ele normalmente é utilizado em locais que possuem leitor de microchip,como uma clínica veterinária, para acessar informações do chip e, posteriormente, entrar em contato com o tutor.


Para que ele seja útil, é importante que o identificador eletrônico esteja cadastrado em um banco de dados, como o da prefeitura. O leitor é capaz de identificar qualquer dispositivo, independentemente do banco de dados ao qual as informações estejam ligadas.

Após passar este leitor na pele do animal, será identificado o chip e assim as informações do pet podem ser acessadas.


Comentários


bottom of page