• Da Redação

Prévia do Aldeia Yapoatan tem atividades em Jaboatão

A programação ocorre no Sesc Piedade e no Cine Teatro Samuel Campelo até o dia 20 de setembro




Da Assessoria de Imprensa

Foto: Divulgação

Sessões de cinema, espetáculos e oficinas de dança aquecem o Pré-Aldeia Yapoatan no município de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. A programação ocorre no Sesc Piedade e no Cine Teatro Samuel Campelo até o dia 20 de setembro. Em seguida, a prévia dará vez à programação principal, que contará com cortejo com bonecos gigantes, maracatu, caboclinhos, shows, espetáculos de teatro, dança, circo e outras atrações. A ação tem o objetivo de fomentar a arte na cidade.


Nesta quarta-feira (11/09), a partir das 14h30, o cine teatro recebe uma sessão gratuita com quatro curtas-metragens que abordam o tema “Identidade e Memória de Jaboatão dos Guararapes” e produzidos por artistas locais. Além disso, a grade conta com a roda de diálogos “Cinema e tradição – Olhares e Saberes de um povo”, com Júlia Morim e Maria dos Prazeres.


Aos que gostam de dança e teatro, a companhia local Cia Etc levará para o Samuel Campelo, no dia 12, a oficina “Dançando no Escuro”, das 9h às 13h, e o espetáculo “Tandam”, às 15h30, com classificação livre. No dia seguinte, sexta-feira (13/09), a companhia chega ao Sesc Piedade com a mesma peça teatral, às 14h, e a oficina “Superficial”, das 18h às 22h.


Direto do estado de Minas Gerais, o doutor em artes cênicas Vanilton Lakka ministrará a oficina “As danças urbanas no palco – dramaturgias da cultura Hip Hop em contato com a dança contemporânea”. As aulas ocorrem no Cine Teatro Samuel Campelo, entre os dias 16 e 20, das 13h30 às 17h30.


No dia 18, o cine teatro recebe a oficina “Técnicas Corporais Para Exercícios Técnicos De Movimento”, que será ministrada pelo alagoano e artista de dança independente, Jessé Batista, das 9h às 18h. No espaço também serão exibidos cinco curtas-metragens voltados para a produção artística local e a mesa-redonda “O fenômeno dos remakes da vida e obra de Simião Martiniano”, com Rafael Leal, Nivaldo Nascimento e Zé Manoel.


Na quinta-feira (19/09), o Samuel Campelo ainda conta com a apresentação “R.A.L.E – Realidade Apropriada Libera Evidência”, de Jessé Batista, indicada para maiores de 12 anos. Todas as oficinas custam R$ 20, para o público geral, e R$ 10 para comerciários e dependentes, enquanto os espetáculos custam R$ 2. As sessões de cinema e as rodas de diálogos são gratuitas.


Sesc – O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 20 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos.


#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes. #cultura #teatro #cinema #sesc

3 visualizações