• Da Redação

Pré-candidatos emitem nota contra prefeito de Jaboatão






No dia em que Jaboatão dos Guararapes completa 427 anos, nesta segunda-feira (04/05), oito pré-candidatos à prefeitura do Jaboatão dos Guararapes emitiram uma nota de repúdio ao prefeito Anderson Ferreira. De acordo com a publicação, "repudiam a ausência de compromisso do gestor no enfrentamento da Covid-19. Entretanto, não houve a participação do também pré-candidato Silvio Costa.


A nota foi assinada pelos pré-candidatos: Adelson Veras (PRTB) Arnaldo Delmondes (PCdoB) Daniel Alves (MDB) DR. Alfredo Costa (PT) Eduardo Porto (PTC) Joaquim Barreto (PMB) Pastor Severino (DC) Professora Marília Vilar (PDT).


Foto: Divulgação


#maisjaboatao#jaboatãodosguararapes política #eleição#eleições2020


Confira a nota na íntegra:


Os pré-candidatos a prefeitura do Jaboatão dos Guararapes vêm a público repudiar a ausência de compromisso do prefeito Anderson Ferreira no enfrentamento da Covid-19. Os primeiros casos no município surgiram no dia 18 de março, contudo, até o presente momento, as atitudes do gestor são insuficientes para o combate, o que está causando ansiedade e desinformação na população. Repelimos completamente a ineficiência do prefeito para que se cumpram as medidas de isolamento social. É sabido, conforme orientações da OMS e cientistas respeitados no Brasil e no mundo, que a única forma de conter o avanço do novo coronavírus é o isolamento social evitando, assim, o colapso da rede de saúde. É ultrajante que precisemos defender o óbvio! Na data de hoje, Jaboatão dos Guararapes já ultrapassa 700 casos confirmados e 67 óbitos. É preocupante que segundo a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco, no mês de maio ocorrerá o pico d pandemia e nossa população esteja totalmente desprovida de ações eficientes por parte do Poder Público Municipal para a contenção das contaminações pelo vírus. Não obstante, o que se verifica são nomeações de apadrinhados políticos, que nada têm a ver com o combate à Covid-19, visando apenas aseleições deste ano; ruas e feiras com aglomerações; nenhuma campanha de conscientização voltada à população e pouco efetivo da Guarda Municipal auxiliando a fiscalização realizada pela Polícia Militar. No mesmo sentido, observa-se a omissão do prefeito e secretários na busca de soluções que visem a diminuição dos casos que aumentam vertiginosamente, retratada no atraso da construção de um hospital de campanha, sem data concreta para iniciar seu funcionamento, bem como na falta de transparência dos recursos recebidos do Governo Federal, além da utilização desta crise para fzer autopromoção, demonstrando insensibilidade para com a situação atual. Política é uma ferramenta essencial para cuidar das pessoas, principalmente em casos como o que estamos vivenciando, não devendo servir para benefício pessoal, como o prefeito vem fazendo. Aos jaboatanenses, fica a nossa defesa pelo interesse e saúde do nosso povo, assim como a cobrança pelo efetivo cumprimento das medidas recomendadas pela Organização Mundial de Saúde e o Governo de Pernambuco. Adelson Veras (PRTB) Arnaldo Delmondes (PCdoB) Daniel Alves (MDB) DR. Alfredo Costa (PT) Eduardo Porto (PTC) Joaquim Barreto (PMB) Pastor Severino (DC) Professora Marília Vilar (PDT)

#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes política #eleição #eleições2020

6 visualizações