• Da Redação

Polícia apreende adolescente por suspeita de matar namorada de 17 anos em Jaboatão

Suspeito foi apreendido e autuado em flagrante e foi posteriormente transferido para a Unidade de Atendimento Inicial a Adolescente Infrator (Uniai)




Do Jornal do Commercio

Foto: Day Santos/JC Imagem


Uma adolescente de 17 anos foi morta, na noite dessa quinta-feira (11), por volta das 20h30, com um tiro na cabeça no Sítio do Fogo, em Barra de Jangada, Jaboatão dos Guararapes. O principal suspeito do ato infracional por homicídio é o namorado de também 17 anos.


Informações preliminares apontam que o casal e dois irmãos da jovem, de 14 e 15 anos estavam brincando com uma arma em uma casa abandonada na região. À polícia, o suspeito contou que mantinha a arma para se amostrar para as novinhas", e, no que ele chamou de brincadeira, começou a apontar a arma para a cabeça da namorada.


A arma, então, segundo ele, teria acabado disparando e atingido a testa da vítima, identificada como Camile Souza Costa. Ela chegou a ser levada até à Unidade de Pronto Atendimento de Barra de Jangada, mas não resistiu ao ferimento.


Após o disparo, o adolescente teria fugido para a casa da tia, mas foi encontrado por policiais militares, que o levaram até o Depatamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde foi realizado o procedimento policial.


Lá, ele teria confessado o delito para os policiais, contou de quem era a arma e que a tinha para praticar pequenos delitos e por participar do tráfico de drogas na região. A Polícia não divulgou o nome dos envolvidos para não atrapalhar as investigações.


A família da jovem contou que não aprovava o namoro, pelo histórico do adolescente e por ele andar entre más companhias. Os irmãos que estavam presentes no momento do disparo prestaram depoimento, assim como outros familiares.


O suspeito foi apreendido e autuado em flagrante por ato infracional correspondente ao crime de feminicídio, e foi posteriormente transferido para a Unidade de Atendimento Inicial a Adolescente Infrator (Uniai).


#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes #polícia #barradejangada

0 visualização