• Da Redação

Nascimento de apenas um filho surpreende mãe que esperava gêmeos

O fato aconteceu no Hospital Memorial Guararapes, no bairro de Prazeres





Da Rádio Jornal

Foto: Bruno Campos/TV Jornal


Uma adolescente de 15 anos passou nove meses esperando gêmeos, mas após o parto no último sábado (7), recebeu apenas uma criança. O fato aconteceu no Hospital Memorial Guararapes, no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes. A mãe da adolescente, que preferiu não se identificar, disse que não presenciou todo o parto.


A família procurou a Justiça. Elas agora querem saber de quem cometeu o erro: se foi a equipe médica durante o parto ou das clínicas que realizaram os exames.


Da Rádio Jornal

Foto: Bruno Campos/TV Jornal

#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes #gravidez gestação #prazeres


Segundo a dona de casa, o parto estava marcado para a sexta-feira (6), no entanto, o parto aconteceu apenas no sábado, por volta das 15h. "Quando levaram a minha filha para a cirurgia, eu acompanhei até a porta, e quando cheguei, me falaram que ela ia entrar e eu tinha que esperar uma roupa chegar. Disseram que tinha que esperar chegar outro pediatra também, porque como era gêmeos, precisava ter dois pediatras na sala de cirurgia”, relatou.


A mãe da adolescente detalha o momento exato do parto, quando pôde presenciar o nascimento de apenas um neto. “Depois que eu entrei na sala de cirurgia, minha filha já estava anestesiada, e os médicos estavam operando. Quando ele nasceu, o médico perguntou qual seria o nome do primeiro e a gente tinha combinado que aquele que nascesse primeiro se chamaria Lucas e o segundo seria Luan. Só vi Lucas nascendo. Depois disso, examinaram, meteram a mão, mas não tinha nada", explicou.

Sem acreditar no que estava acontecendo, a dona de casa conta que questionou os médicos ainda na sala de cirurgia sobre o outro neto. "Foi uma surpresa para mim, para ela. Até agora a gente não está acreditando que só tinha uma criança ali. Montamos tudo para duas crianças e só veio um para casa. A única coisa que eles disseram é que isso acontece e que era erro clínico", lamentou.


A adolescente está em choque. A família procurou a Justiça. Elas agora querem saber de quem cometeu o erro: se foi a equipe médica durante o parto ou das clínicas que realizaram os exames.


Entenda o caso

A adolescente começou o pré-natal aos quatro meses de gestação. Foram 4 consultas com médicas diferentes, no Instituto Humanize, em Prazeres, Jaboatão dos Guararapes. Ela fez duas ultrassonografias em clínicas diferentes e particulares. Os dois exames constaram a gravidez de gêmeos. A mãe da adolescente também alega que exite um vídeo gravado onde a médica confirma a gestação de gêmeos. 

#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes #gravidez gestação #prazeres

6 visualizações