• Da Redação

Moradores de Jaboatão lotam comércio informal e desrespeitam protocolos

Na avenida Doutor Gonzaga Maranhão, o comércio informal tomou conta de parte da calçada na manhã deste sábado (3)




Da Rádio Jornal

Foto: Tião Siqueira/JC Imagem


No primeiro final de semana após o relaxamento da quarentena no Estado de Pernambuco, parte da população não respeitou os protocolos de distanciamento social e os sucessivos apelos de médicos e governantes para o uso de máscara. Em Jaboatão dos Guararapes, moradores lotam comércio informal e desrespeitam protocolos


Na avenida Doutor Gonzaga Maranhão, o comércio informal tomou conta de parte da calçada na manhã deste sábado (3). Não havia nenhum tipo de distanciamento entre os ambulantes e os clientes se espremiam entre as barracas para fazer as compras.


Perto do Mercado da Mangueira, cenas de aglomerações também foram vistas a todo momento. Muitas pessoas não usavam máscaras, que é de uso obrigatório no Estado.


Resposta


A reportagem do site da Rádio Jornal procurou a Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes para saber por qual motivo todas essas aglomerações foram registradas.


Em nota, a Secretaria Executiva de Mobilidade e Ordem Pública do Jaboatão dos Guararapes disse que “tem mantido equipes de fiscalização e controle em todas as regionais do município e que conta com a parceria de órgãos como o Procon e a Vigilância Sanitária”. No entanto, enquanto esteve na cidade, a reportagem não encontrou nenhuma equipe de fiscalização que orientasse a população.


Ainda na nota, o órgão escreveu que “reforça o apelo à população no sentido de que se evite aglomerações desnecessárias e o uso de máscara como forma de combate ao vírus”, finalizou.


Avanço da pandemia

Neste sábado, a Secretaria de Saúde de Pernambuco confirmou mais 985 casos positivos do novo coronavírus no Estado. Agora, Pernambuco totaliza 354.982 casos da doença. Também foram anotados mais 54 óbitos, elevando o número de mortes para 12.349.


0 visualização