• Da Redação

Idosa agredida dentro de casa em Jaboatão ficou três dias inconsciente

Varli Fernandes da Silva, 60 anos, que foi espancada e roubada dentro de casa no dia 9 de setembro





Do OP9

Foto: Cortesia

Uma idosa de 61 anos que foi espancada e roubada dentro de casa no dia 9 de setembro ainda sofre com as sequelas da agressão. Varli Fernandes da Silva, 60 anos, está se recuperando na casa da filha desde que recebeu alta do Hospital da Restauração, na segunda-feira (16), mas continua muito debilitada e machucada, com hematomas por todo o corpo. Segundo Helioberto Fernandes, filho da vítima, a idosa foi golpeada várias vezes na cabeça e apresentava um corte profundo na região da nuca. 


De acordo com a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE), um homem que seria vizinho dela invadiu a residência onde a vítima morava sozinha na Rua Crato, em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife, agrediu a idosa e levou vários pertences dela. A ocorrência só foi registrada na sexta-feira (13). A Polícia Civil instaurou um inquérito e está investigando o suspeito do roubo e da agressão.


Segundo os parentes, a família só soube da agressão contra Varli três dias após o ocorrido, tempo em que a idosa ficou desorientada, quando finalmente ela conseguiu pedir ajuda na quinta-feira (12). Inicialmente, ela foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento de Engenho Velho, em Jaboatão, mas foi transferida para o Hospital da Restauração, no Recife, de onde recebeu alta na segunda (16). 


Ainda de acordo com a família de Varli, além de morarem lado a lado, a vítima e o suspeito são parentes distantes. Revoltados com o ocorrido, os moradores do local atearam fogo na casa do suspeito que, na verdade, pertence à avó dele, uma idosa de 102 anos. Segundo uma tia de Jonas, ele é usuário de drogas e já cumpriu pena por tráfico. Eles pedem a prisão do sobrinho, antes que coisa pior aconteça.


#maisjaboatao #jaboatãodsguararapes #violência #polícia #idoso

4 visualizações