• Da Redação

Empresas propõem aumento de quase 16% nas passagens de ônibus na RMR e governo rejeita valor

governo do estado rejeitou o percentual e afirmou que estudos estão sendo realizados para que, então, seja feita uma proposta





Do G1 PE

Foto: Ricardo Marcelino da Silva/WhatsApp


O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) propôs um reajuste de quase 16% no valor da passagem dos ônibus na Região Metropolitana do Recife. O governo do estado rejeitou o percentual e afirmou que estudos estão sendo realizados para que, então, seja feita uma proposta.


Em 2020, não houve reajuste no valor das passagens no Grande Recife. O último aumento no valor das tarifas aconteceu em 2019, quando foi autorizado subir o valor em 7,7% nos anéis A, B e G.

Pela proposta da Urbana, rejeitada pelo governo estadual, o valor das passagens iria:

  • Anel A: de R$ 3,45 para R$ 4

  • Anel B: de R$ 4,70 para R$ R$ 5,45

  • Anel G: de R$ 2,25 para R$ 2,60

O sindicato que representa as empresas afirmou, em nota, que o transporte público enfrenta dificuldades em decorrência da pandemia da pandemia da Covid-19 e alegou que o setor foi um dos segmentos mais impactados pela crise sanitária. "O modelo de custeio adotado depende, quase que exclusivamente, da quantidade de passageiros transportados e da arrecadação tarifária", disse o sindicato.

Veículos lotados, espera e filas foram pontos reclamados por passageiros que utilizam ônibus no Grande Recife nesse mês de janeiro, situação que se repetiu ao longo do mês de dezembro.



#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes #passagem #transporte #pernambuco

7 visualizações