• Da Redação

Daniel Alves: “Faltam ações preventivas para minimizar os danos causados pelas chuvas”

O líder da oposição da Câmara percorreu por algumas comunidades para avaliar os transtornos causados pelas chuvas



O vereador e líder da oposição na Câmara, Daniel Alves, percorreu por algumas comunidades do Jaboatão dos Guararapes, em virtude das fortes chuvas que caíram nesta madrugada e durante a manhã desta quinta-feira (13/06). “Jaboatão está completamente debaixo de água. Sabemos que após um volume maior de chuva, qualquer cidade passa por transtorno, porém, acredito que com planejamento e ações preventivas em parceria com à população, muitos problemas seriam minimizados”, disse.


Entre as localidades, o parlamentar visitou a Rua 13 de Maio, em Cajueiro Seco. Segundo ele, as canaletas e galerias estão entupidas, solicitações que já tinham sido enviadas pelo Governo Municipal, mas não foram atendidas. Outro local visitado foi a praça do bairro e vias do entorno, onde identificou lixo espalhado. Entretanto, reforçou a importância das pessoas em descartar os resíduos em locais apropriados.


Outro agravante, conforme destacou Daniel Alves, foi a prefeitura não ter apresentado o plano da Operação Inverno. “Não sabemos o que foi feito na cidade. Não temos as equipes de Serviços Urbanos fazendo limpeza nos canais ou canaletas. A Secretaria de Meio Ambiente peca quando não faz ações educativas em parceria com as entidades, a exemplo de escolas, igrejas e lideranças para sensibilizar que os cidadãos também precisam fazer a sua parte”, afirmou.


“Uma ação conjunta entre a atual administração e a população reduziriam os problemas, mas não é o que acontece. Temos uma gestão que não se comunica com as pessoas, que não se planeja”, completou.


CAJUEIRO SECO - Em relação ao Canal de Cajueiro Seco, Daniel Alves ressaltou que o prefeito anterior, Elias Gomes, deixou a 1ª etapa das obras em andamento, com um convênio com o Governo Federal de R$ 13 milhões. “O governo Anderson Ferreira está há três anos e nem a primeira etapa conseguiu concluir. Um descaso e irresponsabilidade grande. Se tivesse a capacidade de concluir a obra, muitos problemas do bairro seriam resolvidos”, desabafa.


LAGOA OLHO D´ÁGUA - Outro fator que contribui com a falta de escoamento das águas na cidade, conforme o parlamentar, é a Lagoa Olho D´água. “A lagoa é competência do Estado, mas cabe o município fazer articulação para fazer drenagem e receber as águas que vem desses comunidades do entorno, como João de Deus, Sotave, Curcurana, Catamarã, Piedade, Dom Hélder, entre outros”, disse.


DIREITO DE RESPOSTA – Prezando pela democracia e pelo respeito da imparcialidade das informações, o portal Mais Jaboatão está à disposição da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes publicar uma nota de esclarecimento sobre os assuntos mencionados pelo vereador Daniel Alves.


#maisjaboatao #jaboatao #chuvas #vereador

6 visualizações