• Da Redação

Ceasa pretende vender 13 milhões de espigas no período junino

O preço médio da mão-de-milho (equivalente a cinquenta espigas) ficará no mesmo patamar do ofertado em 2018: entre 20 e 30 reais



Da Assessoria de Imprensa

Foto: Divulgação

O São João no Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (Ceasa) já está batendo a porta. Próxima sexta-feira (07), às7h, será realizada a abertura oficial do São João do entreposto. O evento acontecerá no Pátio do Milho, local construído especificamente para o comércio de produtos durante o mês junino. Como já é tradição, quadrilha matuta, bacamarteiros, banda de forró pé-de-serra e o corte da canjica gigante farão parte da programação da data festiva.


A estimativa da direção do Ceasa é que, este ano, a oferta de milho seja mais de 13 milhões de espigas.  De acordo com projeções do Departamento Técnico do entreposto, o mês de junho será o período de maior comercialização do produto. O preço médio da mão-de-milho (equivalente a cinquenta espigas) ficará no mesmo patamar do ofertado em 2018: entre 20 e 30 reais. “Estamos estimando que o consumidor encontre um milho de qualidade e com preço relativo ao praticado no ano passado. A população pode vir comprar que teremos muito milho aqui no Ceasa. Claro que os valores variam de acordo com a qualidade do produto e de vendedor, mas estaremos sempre divulgando os preços e fomentando a livre concorrência de mercado para evitar possíveis especulações”, comentou o presidente do Ceasa, Gustavo Melo.


ORIGEM– Praticamente todo o milho comercializado dentro do Ceasa é produzido em Pernambuco. “Para ser exato, 90 por cento do que vendemos vêm do nosso Estado. Destaque para a região Agreste que é responsável por quase 60 por cento de tudo o que é vendido aqui”, disse o diretor Técnico-Operacional do Ceasa, Paulo de Tarso.


#maisjaboatao #jaboatao #milho #saojoao #ceasa

4 visualizações