• Da Redação

CBTU e Forças Armadas realizam desinfecção nas estações de metrô

ação visa mitigar a possível contaminação pelo Covid-19. nas estações Jaboatão, Camaragibe, Joana Bezerra e Aeroporto


Da Folha de Pernambuco

Imagem: CBTU Recife


Com o objetivo de limpar as plataformas contra o novo coronavírus, o Comando Conjunto Nordeste, que reúne militares da Marinha, do Exército e Força Aérea Brasileira, realizou na manhã desta quarta-feira (15) a Operação Covid-19. A ação, que foi feita em parceria com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), contemplou as estações de Joana Bezerra, Jaboatão, Aeroporto e Camaragibe, simultaneamente, das 9h30 às 12h30. Como são espaços de grande circulação de passageiros, o objetivo foi de realizar a desinfecção sanitária das estações metroviárias.


Durante a operação, os militares higienizaram as áreas de convívio e espera das plataformas de metrô. Ela é fruto de uma parceria que foi firmada em março, em um acordo entre os Ministérios da Defesa e Desenvolvimento Regional, o qual a CBTU está submetida. “É uma ação federal que é importante, porque nós já temos nossa própria limpeza em trens e estações. Porém, nunca é demais receber um reforço por parte das forças, porque o movimento diário é muito grande e milhares de pessoas passam diariamente pelas estações. Esta é a segunda ação deles, que desde março vem fazendo esse trabalho nas 29 estações de metrô.”, afirma o gerente de comunicação da CBTU, Salvino Gomes.


De acordo com a CBTU, a parceria ocorre nas outras capitais que a empresa faz o gerenciamento do sistema metroviário. Regularmente, ocorre a limpeza por parte da própria companhia nos terminais e nos trens. “No dia a dia, temos a limpeza corretiva e a limpeza profunda. A limpeza corretiva é realizada à noite, utilizando os produtos autorizados pela Anvisa. E temos a limpeza do dia a dia, que ocorre das 6h às 14h e das 14h às 22h, diferente do horário normalizado. Entre as viagens, os trens que chegam na estação Recife passam por uma higienização com quaternário de amônio e álcool 70”, explica o gerente. 

Movimentação

Funcionando em horários reduzidos, a movimentação diária no sistema do metrô Recife caiu.  De 380 mil passageiros diários, o índice caiu para 120 mil pessoas circulando, diariamente, nas plataformas. Embora esse número tenha caído, Salvino Gomes ressalta a importância das recomendações sanitárias aos passageiros. “A gente recomenda que os passageiros utilizem as máscaras e, claro, as pessoas mantenham a distância entre elas. As medidas das estações permitem que as pessoas fiquem distantes um metro umas das outras. Numa plataforma de metrô, são 100 metros de comprimento por quatro de largura, numa pequena. Na linha Sul, são 100 metros e na linha Centro 400 metros", frisa.

Ele explica que, apesar da distância permitida, alguns dos passageiros não seguem as recomendações de instrução de uso do metrô durante a pandemia. "Infelizmente, as pessoas gostam de ficar próximas ou ficar junto às saídas dos trens, como faziam há 35 anos. Isso vai da consciência coletiva de cada um”, complementa Gomes.


#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes #cbtu #metrô #coronavíru covid19 #panemia #Prevenção

0 visualização