• Da Redação

Bebê de dois meses fica desacordado, tem sangramento no nariz e morre em Jaboatão

No IML, a causa da morte foi asfixia por broncoaspiração, provavelmente provocada por engasgo dormindo

Da TV Jornal

Foto: Bruno Campos/JC Imagem


A polícia investiga a morte de um bebê de apenas dois meses em Jaboatão dos Guararapes. A criança foi encontrada desacordada e com um sangramento no nariz por volta das 7h da manhã pela irmã, uma adolescente de 14 anos. Os familiares e vizinhos ainda tentaram reanimá-lo, levaram para a UPA de Engenho Velho, mas o bebê já deu entrada na unidade de saúde sem vida. A reportagem foi exibida nesta segunda-feira (08).


Segundo a família do menino, os médicos da UPA acionaram a polícia, por volta das 10h e disseram aos policiais que o corpo da criança apresentava fraturas nos braços e alguns hematomas. O pai, um auxiliar de carga e descarga, de 40 anos, disse que estava trabalhando quando tudo aconteceu.


No IML, a causa da morte foi asfixia por broncoaspiração, provavelmente provocada por engasgo dormindo. Segundo a família, o bebê nasceu prematuro de 5 meses e sofria de refluxo. Um agente de limpeza que mora no mesmo condomínio que os pais do menino não acredita na possibilidade de agressão.


Segundo a pai do bebê, a esposa e a filha de 14 anos foram levadas para o DHPP. Para ele, a acusação de agressão física não procede. Ele também questionou a forma como a filha adolescente foi interrogada.


Segundo uma vizinha que não quer se identificar, peritos do Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local e fizeram uma perícia no apartamento da família, no bairro da Muribeca. Ela tbm não concordou da maneira como a adolescente foi ouvida pelos policiais. O caso inicialmente foi registrado como morte a esclarecer.


A Polícia Civil informou que um inquérito policial foi instaurado e que outras informações só serão fornecidas depois da conclusão das investigações. Em relação à denúncia de que a adolescente teria sido ouvida sozinha, a Policia Civil ainda não respondeu. Já sobre a denúncia da família questionando os médicos da UPA informaram com relação ao estado da criança, a assessoria confirmou apenas que o bebê deu entrada na unidade.


#maisjaboatao #jaboatãodosguararapes #jaboataodosguararapes #polícia #engenhovelho #jaboatãocentro #jaboataocentro #pernambuco

0 visualização