• Da Redação

Audiências públicas mostram impacto do coronavírus nas finanças e na saúde

Nessas duas áreas, foram registrados impactos negativos em função da crise provocada pela pandemia do Novo Coronavírus





Da Assessoria de Imprensa

Foto: Reprodução/TV Globo


Duas audiências públicas para prestações de contas do primeiro quadrimestre do ano de 2020 foram realizadas na manhã de hoje (17), no plenário da Câmara de Vereadores de Jaboatão, quando as secretarias municipais de Finanças e Saúde apresentaram balanços relativos aos meses de janeiro, fevereiro, março e abril de 2020.


O evento foi transmitido ao vivo, por meio da rede social Instagram a fim de garantir a transparência e participação da população no acesso aos dados apresentados pela Prefeitura de Jaboatão. Tanto na Saúde, quanto nas Finanças, foram registrados impactos negativos em função da crise provocada pela pandemia do Novo Coronavírus, principalmente, a partir do mês de março, quando o Brasil passou a adotar o isolamento social como forma de conter o avanço da doença.


A Prefeitura registrou queda na arrecadação em tributos como o IPTU, ISS e ITBI. Em abril registou-se 23% de déficit em relação ao mesmo período de 2019 e uma diminuição efetiva de R$ 2,2 milhões.Repasses federais e estaduais também foram reduzidos, a exemplo do Fundeb e FPM.


Apesar da desaceleração econômica, a Prefeitura informou que manteve os investimentos previstos em infraestrutura, ação social, educação e saúde, além do pagamento dos salários do funcionalismo em dia.


SAÚDE - Os dados da saúde municipal mostram que houve ampliação dos investimentos, em relação ao mesmo período de 2019 (janeiro - abril). Os gastos com recursos próprios subiram de R$ 34 milhões para R$ 38,9 milhões. No que se refere às receitas totais (repasses e convênios), entretanto, houve uma pequena redução nos números globais.

Ao todo, a Secretaria Municipal de Saúde conta com 182 estabelecimentos de saúde sob sua gestão, tais como hospitais, Samu, PSFs etc, além de 2.824 funcionários e colaboradores."Ficamos satisfeitos com as informações indicando que, apesar de toda crise provocada pela pandemia, os serviços essenciais da cidade foram preservados e a Prefeitura conseguiu contornar as principais dificuldades", disse o presidente da Câmara, vereador Adeíldo da Igreja.


#maisjaboatao#jaboatãodosguararapes#coronavírus#covid19#pandemia#economia#guararapes#piedade#shoppingcenter


4 visualizações